Sobre

A Dra. Roberta Pansera (CRM 27052) é formada em Dermatologia pela Universidade de Caxias do Sul – UCS. Suas principais áreas de atuação são cosmiatria – ciência que estuda a beleza humana –, estética e lasertearpia, proporcionando tratamentos e protocolos específicos para diferentes finalidades, mas com o objetivo único de promover saúde e bem-estar a seus pacientes.

Entre em contato

FIQUE POR DENTRO DO

UNIVERSO DA ESTÉTICA E BELEZA

Queda de cabelo: conheça suas causas e tratamentos

A queda de cabelo pode ser uma preocupação constante entre homens e mulheres. Saiba como se prevenir.
04 maio, 2020

A queda de cabelo muitas vezes é motivo de preocupação, tanto para homens quanto para mulheres. Embora ela aconteça de forma natural até uma certa quantidade, há diversos fatores que contribuem para seu agravamento, como as mudanças de estações, deficiência de nutrientes e até mesmo o estresse. Além disso, é comum que mulheres usem métodos para alisamento dos fios, como chapinha, escova ou babyliss, que podem agravar a queda se usados de forma frequente, já que o calor pode danificar os cabelos. Os produtos químicos para alisamento também podem ser um fator agravante à queda, se usados em excesso e de maneira incorreta.  

A queda de cabelo pode ser mais comum para o público feminino do que para o masculino, considerando as alterações hormonais, o uso de anticoncepcionais e a menopausa. No caso dos homens, a perda de cabelo está alinhada à calvície e pode ter origens hereditárias.

Neste artigo, você vai conhecer alguns desses fatores que contribuem para a queda de cabelo, assim como saber quando procurar ajuda e quais os principais tratamentos.

Fatores que contribuem para queda de cabelo

Estresse

O estresse físico e mental é considerado a causa mais comum da perda de cabelo. Não é a principal causa, mas está interligada. Começar a praticar atividades físicas e focar nas horas de lazer são formas de aliviar o estresse diário.

Alterações no organismo

Além disso, fatores como anemia, baixa quantidade de vitamina D e zinco, sífilis e alterações na tireoide também podem auxiliar na queda dos fios.

Consumo de cigarros

O hábito de fumar provoca o enfraquecimento dos fios e, com o passar do tempo, pode resultar em calvície. Isso acontece pela composição do cigarro, que possui substâncias tóxicas que destroem e degeneram os vasos sanguíneos, responsáveis pelo abastecimento do couro cabeludo.

Existem tratamentos para queda de cabelo?

Os tratamentos para a queda dos fios existem e são indicados de acordo com as necessidades de cada pessoa. Para isso, é realizada uma avaliação para chegar na raiz do problema, a fim de identificar suas causas e deficiências. O tratamento pode ser feito através de técnicas minimamente invasivas, bem como por suplementação alimentar, medicamentos e dermocosméticos.

Quando devo procurar ajuda?

Em média, uma pessoa tem cerca de 100 mil fios de cabelo no período de três anos. Entretanto, é normal perder cerca de 100 fios por dia. Porém, se a queda for mais intensa, a ponto de a pessoa encontrar cabelos em excesso nas roupas, nos travesseiros e no ralo do chuveiro, a procura por um profissional especializado deve ser realizada para controlar e amenizar seus efeitos. Com o profissional certo, você poderá evitar o agravamento da queda de cabelo.

Saiba mais sobre os principais assuntos do mundo da beleza, entre curiosidades, dicas e tratamentos. ?‍⚕

Em nosso blog, você conhece as principais técnicas e conteúdos exclusivos sobre protocolos, procedimentos e tecnologias, a fim de agregar mais informação, saúde e bem-estar! ?

icon-ig-sidebar-hover icon-fb-sidebar-hover

Buscar no blog

Assine a Newsletter

Um novo olhar em beleza e saúde

Um ambiente confortável e planejado para promover o equilíbrio entre a estética e a qualidade de vida.

Open chat